5 tendências inspiradas nos cases do Movimento #VamosVirarOJogo

Pelo menos 5 tendências saltam aos olhos com os 10 cases selecionados até agora como “Melhores Práticas” nas duas rodadas de análise do  #MovimentoVamosvirarOJogo, que visa compartilhar iniciativas empresariais no combate a crise e na preparação para o futuro pós- Covid:

⁃ as empresas começam a focar mais no futuro e nas soluções,do que nos problemas e nas queixas sobre o presente. Ou seja, a fase é mais de Reinventar o futuro do que nas iniciativas emergenciais que caracterizaram os meses de Março e Abril;

⁃ Há um crescente interesse em compartilhar as melhores práticas e em conhecer o que está dando certo (os chamados benchmarks) com um renovado espírito colaborativo entre as empresas. Está em baixa a velha crença de que “o segredo é a Alma do negócio”;

⁃ Empresas grandes começam a olhar para um nicho de mercado que antes não consideravam tão relevantes – como o das pequenas e médias empresas. Inicialmente, elas dão acesso a seus serviços e educam usuários para transformá-los em clientes no futuro;

⁃ Empresas tradicionais de negócios maduros estão buscando Inovação através de parcerias com startups inovadoras;

⁃ Está em alta um sentimento de solidariedade em vários níveis, com os líderes empresariais muito mais sensíveis às necessidades, dramas e desafios das comunidades e dos seus funcionários e familiares.

Foi possível ver muitas dessas tendências sendo ativadas já na primeira leva de cases do movimento #VamosVirarOJogo e que trouxe projetos de grandes empresas como a BASF e startups como a Cuco Health.

#VamosVirarOJogo – Rodada 1

Na última semana, tivemos uma segunda rodada no canal do movimento #VamosVirarOJogo com mais 5 cases que também mostram, de forma prática, a aplicação desses tópicos que vão fazer com que as empresas estejam mais preparadas para o futuro.

#VamosVirarOJogo – Rodada 2

Te convido a assistir os vídeos para conhecer todos os cases e depois analisar: quais dessas tendências seria possível de adotar na sua empresa?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *