Varejistas, vamos virar o jogo!

“Há vida pós-Covid-19”. Esta frase proferida por Vittorio Danesi, fundador e CEO da Simpress, foi marcante durante uma troca de ideias de um grupo de empresários, discutindo as tendências do mercado, quando começava a pandemia que causou a quarentena em vários Estados e municípios brasileiros.

A máxima de Danesi inspirou tanto a mim quanto ao Alexandro Barsi, fundador e CEO do Verity, na estruturação do movimento “#VamosVirarOJogo” (www.vamosvirarojogo.org), visando mobilizar empresas na busca de soluções para superar as adversidades e incertezas da vida empresarial, nesses tempos bicudos que impacta todos, incluindo o varejo brasileiro. Afinal de contas, o cenário de instabilidade e dúvidas relacionadas à pandemia do novo coronavírus exige respostas e a descoberta de novos caminhos por todos os setores da sociedade.

A iniciativa tem como propósito ser referência no compartilhamento de melhores práticas e ideias inovadoras. Neste momento, mais do que em qualquer outro, as empresas precisam de uma bússola para navegar em meio ao mar revolto da crise e superar seus obstáculos. A ação idealizada em uma conversa informal se mostrou tão necessária e relevante que já nasceu, no último dia 29, mobilizando 16 organizações de peso, em vários setores da economia. Poucos dias depois, já contava com mais de 100 novos pedidos de adesão.

A articulação reúne empresas como Carrefour, Magazine Luiza, UsiMinas , Laureate, 3M, Basf, PwC, Solví Ambiental, Associação Brasileira de Operadores Logísticos (ABOL) (que reúne 32 empresas do segmento), Connvert, Regus, JS Peças e Experience Club, bem como Simpress, Grupo Empreenda e Verity. Além disso, conta com o apoio estratégico da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH), BR Angels, Meu Futuro Digital e do World Federation of People Management Associations / Grupo Capacitare.

O movimento #VamosVirarOJogo também atuará na elaboração de propostas que poderão ser encaminhadas a entidades de classe, formuladores de políticas públicas, órgãos governamentais em várias esferas, centros de pesquisa e formadores de opinião. As atividades dessa verdadeira aliança em prol do mundo corporativo não possuem qualquer conotação política-ideológica ou partidária. A iniciativa é pautada em valores como compromisso com a sociedade; valorização e investimento nas pessoas; integridade, ética e transparência; estímulo à inovação e prosperidade dos ecossistemas das empresas, entre outros.

Todos sabem que alguns segmentos do varejo têm sido até beneficiados neste momento, pois fazem parte do bloco dos serviços essenciais como comercialização de medicamentos, alimentos, material de higiene e limpeza etc. Outro grupo de varejistas adotaram soluções explorando o e-commerce ou serviços complementares como delivery. Porém, a grande maioria ainda precisa repensar seus modelos de negócio e, principalmente, encontrar meios de não ficar longe dos seus clientes, mesmo que geograficamente distantes.

Os líderes das redes varejistas precisam compreender que virar o jogo passa, necessariamente, por assumir um verdadeiro compromisso para a reinvenção dos negócios, com muita inovação e criatividade, considerando oportunidades ainda não percebidas.

Levando em conta o ecossistema de toda a cadeia de valor das empresas, é necessário que todos deem o melhor de si, com foco em soluções para o futuro e superando medos e angústias naturais em meio às turbulências que vivenciamos. Reinventar será a palavra de ordem. Há vida pós-Covid-19!

  • Serviço: Para aderir ao movimento, o executivo responsável pela empresa deve fazer o cadastro no site (www.vamosvirarojogo.org). Após preenchimento do formulário, o interessado receberá instruções para a participação. Mais informações podem ser obtidas também pelo e-mail: contato@vamosvirarojogo.com.br.

 

 

*César Souza, presidente da Empreenda Consultoria, palestrante e autor de “Clientividade®: Como Oferecer o que o Seu Cliente Valoriza” (Best Business, 2016) e “SuperDicas para Conquistar Clientes” (Saraiva, 2012)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *